“Apesar de influenciar as taxas de crédito imobiliário, o mercado ainda atrai compradores e investidores interessados em moradia ou fonte de renda”, comenta Ronnie Sang (Imagem: Divulgação/AoCubo)

mercado imobiliário está em crescimento acelerado e no primeiro semestre a venda de apartamentos novos cresceu 95%, na cidade de São Paulo e região metropolitana, de acordo com levantamento realizado pelo AoCubo — imobiliária digital que transforma a experiência de compra e venda de apartamentos novos por meio de tecnologia.

Mesmo após os reajustes da Selic, taxa referência para juros no Brasil, que alcançou a marca de 4,25%, o setor parece não ter se intimidado e deve seguir em expansão ao longo do ano.

“Apesar de influenciar as taxas de crédito imobiliário, o mercado ainda atrai compradores e investidores interessados em moradia ou fonte de renda”, comenta Ronnie Sang Jr., CEO e fundador do AoCubo.

Uma das áreas que mais surpreendeu especialistas, o mercado imobiliário driblou a pandemia mundial e vem registrando números positivos, mês a mês.

Ainda de acordo com o levantamento do AoCubo, o segundo trimestre foi positivo em vendas e a startup registrou alta de 160%.

“Faz sentido investir em imóveis e apesar da alta da Selic, novos lançamentos e a reabertura do mercado imobiliário, à medida em que o plano de vacinação contra a Covid-19 avança, prometem aquecer o setor e impulsionar as vendas nos próximos seis meses”, explica Ronnie.

Fonte: Por Lucas Eurico Simões, Money Times.